Faculdade Maurício de Nassau UNINASSAU | Ser Educacional
19 Novembro
Evento
BELEZA NEGRA 2020: Participe do Workshop
Por Ivana Santos

No Mês da Consciência Negra, a UNINASSAU-JP preparou uma programação especial. 
O Concurso BELEZA NEGRA tem o objetivo de divulgar, sensibilizar e promover junto à comunidade, a beleza negra, buscando valorizar a cultura e estética afro-brasileira, enaltecer a autoestima, a diversidade étnica, o respeito e sobretudo, valorizar a mulher negra enquanto ser social em sua plenitude de direitos e deveres. O concurso é aberto a toda e qualquer mulher negra na faixa etária exposta nas regras do concurso.
Além do concurso teremos um workshop com o maquiador Alisson O'Dell com dicas e técnicas de maquiagem para pele negra.
 
Os primeiros 100 inscritos terão a oportunidade de participar presencialmente do evento e os demais poderão acompanhar online através do Instagram @uninassau.jp , ambos receberão certificação pela participação no evento que é 100% GRATUITO.
 
Para participar basta se inscrever no link abaixo, este também está disponível na bio do @uninassau.jp
 
http://abre.ai/belezanegra2020
 
 
#consciencianegra #beleza #afro #belezanegra #mulhereslindas #maquigempelenegra #mulherdesuceso #saude #estetica #esteticacosmetica #makenegra
 

17 Novembro
Inscrição
Semana da Consciência Negra na UNINASSAU
Por Iana Rafaela

No dia 20 deste mês é comemorado O Dia da Consciência Negra. Pensando nisso, a UNINASSAU preparou a Semana da Consciência onde teremos uma série de palestras tratando de temas como as lutas racistas e práticas sociais.

Contaremos com a participação de docentes do Grupo Ser Educacional, docentes da UFPE, antropólogos, ativistas e profissionais da área da saúde e estudantes. As palestram terão início às 19h de amanhã (17) e seguem até a sexta-feira (20).

Faça sua inscrição pelo https://extensao.uninassau.edu.br/DetalhesEvento.aspx?EventoId=31603

20 Novembro
Teresina
Participe da live que vai celebrar a importância do dia da consciência negra
Por Cris Paixao

Em comemoração ao DIA NACIONAL DA CONSCIÊNCIA NEGRA  - "Somos Todos Black". O curso de Engenharia Civil convida toda a comunidade estudantil a participar da Live a partir das 18:30. Transmissão pelo Instagram Oficial - uninassau.teresina.

20 Novembro
Teresina
Participe do debate sobre o dia da Consciência Negra
Por Cris Paixao

A Coordenação do curso de engenharia civil do centro universitário uninassau - teresina  promove no dia 20/11/2020 a partir das 18:30 um debate para celebrar o dia da Consciência Negra. 

16 Novembro
LIVE
VIDAS NEGRAS IMPORTAM: Dia da Consciência Negra
Por Gilma Benjoino

Confira as informações e saiba como participar

26 Novembro
Pedagogia
Evento da Consciência Negra tem participação de estudantes de Pedagogia
Por Valdineide Barreto

O evento da Consciência Negra, aconteceu no dia 21 de novembro na Unidade de Lauro de Freitas. Teve a participação das estudantes de Pedagogia, Serviço Social e Administração.  Refletiu sobre o Racismo Estrutural nas diversas esferas da vida. Professores como Deyse Luciano, Thyfani Odara e Amilton Castro abrilhantaram as discussões trazendo os marcadores sociais das diferenças: gênero, raça, classe e sexualidade. Mas também apontando o racismo religioso e a Lesbofobia. As estudantes do 6° semestre de Pedagogia  organizaram a sala, preparam músicas e poemas temáticos.

Organizar um evento com esse tipo de discussão é fundamental, principalmente no Ensino Superior. Há muitas questões que precisam ser repensadas e provocadas. Ainda há muitos alunos que não pensam fora da caixa e que não admitem algumas situações, agindo com intolerância. A academia precisa abrir espaços para todos os cursos, pois sabemos que em Pedagogia já existe possibilidades de discussões nas próprias disciplinas. Após o evento alguns alunos enviaram mensagem agradecendo a oportunidade e solicitando novos momentos de debates. Parabéns a todos os envolvidos.

Agradecimentos a Professora Deyse Luciano, Professora Marta, Professora Saionara pela parceria. 

Segue em anexo as Fotos

16 Novembro
SERVIÇO SOCIAL
Dia da Consciência Negra é celebrado com debate
Por Ana Luiza

No dia 20 de novembro, o curso de Serviço Social da UNINASSAU - Aracaju promoverá conferência e mesa redonda para fomentar reflexões e formas de conscientização acerca do Dia da Consciência Negra na contemporaneidade.
 
Programação:
Manhã: 08:00 (Sala 305)
 
Palestra: Os estereótipos raciais e a realidade negra no Brasil.
Conferencista: Msc. Israel Jairo Santos (Doutorando em Psicologia Social na UFS) 
 
 
Noite: 18:30 (Sala 205)
 
Mesa-Redonda: A cor das profissões: os estereotipos limitam você?
Mesa: Profª. Msc. Miraci Lemos (Uninassau/SE) e  Msc. Israel Jairo (UFS)
 
Durante a programação acontecerá no Hall da Uninassau a apresentação de banners sobre "Educação e relações étnicos-raciais" dos alunos do curso de Pedagogia.
Supervisão: Prof. Dr. Alessandro Araujo Mendes.
 

21 Novembro
Petrolina
UNINASSAU Petrolina celebra o Dia da Consciência Negra
Por Nielton Souza

Em comemoração ao Dia da Consciência Negra, a Faculdade UNINASSAU Petrolina promove um evento com apresentações culturais, roda de conversa sobre religião e venda de acarajé. A ação aconteceu nesta terça-feira (20), na própria Instituição.

O evento organizado por alunos e membros do projeto VIVA UNINASSAU. O Dia da Consciência Negra é celebrado no dia 20 de novembro em todo país. A data faz referência à morte de Zumbi dos Palmares, líder do Quilombo dos Palmares, que lutou para preservar o modo de vida dos negros escravizados no Brasil.

A diretora da unidade, Profª Anna Cristina, frisa que “o evento é mais uma forma de consolidarmos a ideia da igualdade racial, dizer não ao racismo, além do respeito às diferenças, seja de cor, etnia, cultura e outras”.

16 Março
EVENTO
Seminário apresenta debate sobre a importância da Consciência Negra
Por Barbara Alves

A Coordenação do curso de Bacharelado em Administração, estará promovendo no dia 24/03/2018, às 08h30 um evento em homenagem ao Dia da Consciência Negra.

O Seminário intitulado "A importância da Consciência Negra na Socierdade Contemporânea", contará com a participação dos palestrantes:

Prof. Amilton Castro - UNINASSAU - Sociológo e Cientista Político, Especialista em Metodologia do Esnino, Pesquisa e Extensão e Professor Universitário.

Profa. Núbia Pinto - UNEB - Cientista Social, Mestre em Estudos Etnicos e Africanos e Professora Universitária.

O Seminário busca apresentar e debater sobre o enfoque histórico da abolição do negro enquanto escravo. Apresentar dados estatísticos e análises de questões de discriminação e preconceitros existentes na sociedade.

 

24 Novembro
EVENTO
I Mesa Redonda do dia da Consciência Negra
Por Ana Almeida

Nos dias 20 e 21 de novembro, os professores de Serviço Social e Pedagogia organizaram a I Roda de conversa do Dia da Consciência Negra: Políticas Públicas para as comunidades remanscentes de quilombolas na Uninassau Aracaju.

No dia 20, ocorreu a exposição de alunos e público externo no hall do térreo da faculdade bem como apresentação de atividade cultural: Capoeira.

Nesse mesmo dia no auditório, houve a Mesa Redonda: Políticas Públicas para comunidades remanscentes de quilombolas com a participação das lideranças quilombolas do Estado de Sergipe:

* Maria Gressi Santana (Quilombo Mocambo - Aquidabã) - Tema: Políticas Públicas para a juventude quilombola.

* Edite Pereira de Souza (Quilombo Forra - Riachão do Dantas) - Tema: Políticas Públicas para as mulheres quilombolas.

* Josefa Santos de Jesus (Quilombo de Sítio Alto - Simão Dias) - Tema: Política de conservação das sementes crioulas.

* Manuel Belarminio dos Santos (Quilombo Poço Redondo) - Tema: Políticas Públicas para a cultura quilombola.

* José Wellington Fontes Nascimento (Quilombo Porto D´Areia - Estância - Organização do movimento quilombola de Sergipe.

Tivemos ainda a apresentação cultural de Dandara ("nega maluca")

No dia 21, apresentação dos trabalhos científicos apresentados pelos alunos divididos em Grupos Temáticos:

GT1 - Do Reconhecimento dos Afrodescendentes (sala: 206)

GT2 - Da garantia de justiça aos Afrodescendentes. (sala: 207)

GT3 - Do desenvolvimento dos Afrodescendentes. (sala: 210)

GT4 - Da discriminação múltipla dos Afrodescendentes. (sala: 211)

GT5 - Cultura Indígena e de povos tradicionais. (sala: 312)

 

 

 

 

 

Páginas