Faculdade Maurício de Nassau UNINASSAU | Ser Educacional
30 Maio
ESTÁGIO
Confira a reunião do rodízio de cirurgia dos lotados no HSE
Por raquel.porto

Em relação ao rodízio de cirurgia no HSE, o preceptor Dr Marconi Meira, marcou uma reunião com o grupo, segue as informações:
 
Data - 31/05/18
Local - HSE (Auditório do primeiro andar do centro de estudos)
Horário: 07:00 
 
Qualquer dúvida, nos contactar.
 

 

29 Maio
SOLIDARIEDADE
UNINASSAU realiza ação solidária para vítimas das chuvas em PE
Por Priscila Oliveira

Devido as fortes chuvas que caíram no estado de Pernambuco nos últimos dias, os cursos de Exatas, Saúdes e Humanas da UNINASSAU - Centro Universitário Maurício de Nassau estão promovendo uma ação solidária com o objetivo de arrecadar, com urgência, água mineral, alimentos não-perecíveis, roupas, sapatos, colchões, lençóis e toalhas para as vítimas das precipitações.

As doações podem ser realizadas nas coordenações dos cursos dos blocos A, B, C, D, E, F, M e na unidade Boa Viagem.

16 Maio
Participe
Concurso de projetos - Fenearte 2017
Por Lenira de Melo

AS COORDENAÇÕES DOS CURSOS DE ARQUITETURA E URBANISMO E DESIGN DE INTERIORES DA UNINASSAU, no uso de suas atribuições e de acordo com o disposto no inciso II do art 8º da portaria nº 36/2005 desta Instituição, resolvem:

Art. 1º. Ficam abertas as inscrições para Processo Seletivo de Projetos para Execução da Praça de Descanso, na XVII FENEARTE, que acontecerá no período de 06 A 16 DE JULHO de 2017 no Centro de Convenções de Pernambuco, no Recife - PE.

Art. 2º. As inscrições serão realizadas no período de 17 A 24 DE MAIO DE 2017, na Recepção das Coordenações do Bloco B, na UNINASSAU, no horário de atendimento, na qual deverão constar as informações referentes à composição da Equipe (máximo 08 alunos) e do Professor Orientador.

Art. 3º. Até o dia 02 de JUNHO, às 20:00 horas, deverá ser entregue o Anteprojeto concorrente, com escala e tipo de representação livres, contendo as informações referentes à solução plástica, espacial, materiais, orçamentos e demais pontos pertinentes à execução do Projeto. 

 

Mais informações, na Coordenação do Bloco B.

 

 

 

10 Abril
VISITA TÉCNICA
Estudantes visitam Fabrica da Fiat em PE
Por Onildo Ribeiro

Os alunos de Administração realizaram uma visita técnica, no dia 27 de março de 2017,  à Fábrica da Fiat, localizada em Goiana, na Zona da Mata Norte de Pernambuco. A visita foi planejada com o objetivo de levar ao conhecimento dos alunos como funciona uma empresa do ramo de fabricação e concessionária de veículos terrestres.

De acordo com as informações presentes em sites da internet e informações coletadas durante a visita técnica, a Fábrica da Fiat iniciou sua operação em abriu de 2015, fabricando veículos da marca Jeep. A perspectiva é que a fábrica gere 9 mil empregos diretos e indiretos. De acordo com Coutinho (2015), essa é a primeira unidade fabril inaugurada depois da fusão global entre a italiana Fiat e a americana Chrysler, concluída em 2014, dando origem à FCA (Fiat Chrysler Automobiles). 

Ademais, além de construir a fábrica também foi construído o parque de fornecedores com 16 empresas dentro do complexo. Esse fator permite que o carro produzido nesse parque tecnológico chegue as consequências de todo o país com um índice de nacionalização dos componentes de mais de 70%.

Neste sentido, a presente visita teve os seguintes objetivos:

Objetivo Geral:

Realizar a visita técnica a Fábrica da Fiat da cidade de Goiana, com o intuito de conhecer suas políticas de recursos humanos e ações desenvolvidas pela empresa no tocante à gestão de pessoas, logística, segurança do trabalho, marketing e produção.

Objetivos específicos:

- Levar os alunos do curso de administração para conhecerem, na prática, o funcionamento dos processos de gestão de pessoas, logística, segurança do trabalho, produção;

- Verificar como funcionam os processos de gestão de pessoas, logística, produção da empresa;

- Fazer a integração teórico-prático dos conteúdos abordados em sala de aula.

Desse modo, a visita técnica teve o propósito de levar aos alunos do curso de administração conhecimentos sobre a empresa visitada, assim como adquirirem experiências que os possam favorecer nos futuros processos seletivos e atividades a serem desenvolvidas.

Sinopse dos trabalhos

A presente visita técnica foi previamente planejada junto com os alunos das turmas do 6NA, do 7NA e do 8NA, de maneira a verificar a melhor data, assim como os assuntos de interesses dos alunos a serem relatados na visita técnica. Neste sentido, assim que foi possível a confirmação das datas junto a empresa, foi possível repassar para os alunos e, assim, combinar a forma de deslocamento dos mesmos.

Diante do que foi proposto, a saída dos alunos foi às 6h30 da Faculdade Maurício de Nassau e o deslocamento para a referida empresa. Após a chegada na empresa, os estudantes foram recepcionados pelo responsável do setor de comunicação, em que inicialmente apresentou, juntamente com mais dois funcionários, a parte administrativa e como funciona no geral. Logo depois, foram direcionados para o espaço da fabrica da Fiat, em que os alunos foram acompanhados por profissionais da empresa, que se disponibilizaram a apresentar o processo produtivo, mostrando a tecnologia utilizada, o funcionamento das máquinas, o modo de produção, a preocupação da segurança do trabalho e a saúde do trabalhador, assim como a logística de funcionamento dos processos, passando pelos setores de produção, de soldagem, de planejamento de produção, a montagem e a visualização do produto acabado após a realização da pintura.

Logo após conhecer todo o processo produtivo da empresa, os alunos e professores foram levados para a sala de treinamento, em que, pós realizadas todas as apresentações, foi passado o vídeo institucional das empresa, assim como outras informações importantes sobre seu funcionamento, os produtos que são comercializados e os serviços desenvolvidos. Ademais, foram apresentadas informações a respeito da área de operações e logística da Fábrica da Fiat, e sua forma de atuação no mercado junto aos clientes do seu segmento e qual o diferencial da empresa em relação aos demais concorrentes. Também foi apresentando como diferencial competitivo a qualidade dos produtos e serviços oferecidos, assim como a vasta competência técnica dos profissionais envolvidos em todas as atividades desenvolvidas pela fábrica.

A questão da competência técnica dos profissionais da empresa se deve ao fato de que os funcionários recebem treinamentos específicos desde o momento que entram na companhia, principalmente os operários que trabalham diretamente com o processo produtivo. Neste aspecto, a empresa incentiva por meio de cursos e treinamentos, sejam eles virtuais ou presenciais para que os funcionários estejam sempre atualizados em termos de novos conhecimentos necessários para realizarem as atividades.

No que diz respeito às oportunidades de empregos que a empresa tra,z é constatado que há 5,3 mil pessoas trabalhando na nova planta e no parque de fornecedores, sendo 78% pernambucanos e 82% nordestinos. De acordo com as expectativas, pretende-se, até o final do ano, que o volume chegue a 3,3 mil pessoas empregadas na fábrica, 4,9 mil no parque de fornecedores e 850 em serviços gerais. Além de gerar empregos, a fábrica ainda mobiliza a economia local e nacional, tendo em vista a compra de materiais para que sejam utilizados na fabricação dos produtos da indústria, pois para fabricar o carro Renegate mais de 70% de componentes são nacionais, desses 40% vem de fornecedores do entorno da fábrica.

Finalmente, foi aberto aos alunos para que pudessem tirar suas dúvidas sobre os assuntos mencionados, assim como puderem conhecer como aplicar os conhecimentos adquiridos em sala de aula nas empresas nas quais eles trabalham ou podem vir a trabalhar. Outro ponto positivo foi a informação de que um dos requisitos para ser contratado para a empresa é que a pessoa precisa ter o conhecimento da língua inglesa, saber falar e ler, pois boa parte dos processos são descritos em inglês e muitos funcionários também são de outros países.

Dessa forma foi possível constatar que a visita técnica foi bastante positiva e que trouxe conhecimentos e oportunidades variadas para os alunos que estiveram presentes, assim como a perspectivas de novos trabalhados e novas visitas a referida empresa e a outras, sempre com o foco no aprendizado dos alunos.