Faculdade Maurício de Nassau UNINASSAU | Ser Educacional
10 Abril
ASSISTÊNCIA AOS ATLETAS
Alunos participam de festival de futsal escolar
Por Kirlene Scheyla

Neste domingo (9), alunos e professores dos cursos de Enfermagem e Fisioterapia participaram do "I Festival Maurício de Nassau de Futsal Escolar", prestando assistência aos atletas. O evento reuniu atletas de escolas públicas e privadas e teve como objetivo incentivar a prática esportiva.

07 Abril
Atendimento
Alunos de Fisioterapia promovem atendimento e orientações para gestantes em maternidade
Por Vania Alice

Alunos de fisioterapia ofereceram atendimento e orientação às gestantes da maternidade Marly Sarney.

Confira em nossa Galeria como foi esse momento.

 

05 Abril
MANGUITO ROTADOR
Alunos de Fisioterapia participam de concurso "jornalístico" sobre lesões
Por Rafael Reis

Os alunos de 3º período de Fisioterapia da unidade Lauro de Freitas da Faculdade Maurício de Nassau participaram de um concurso de matérias, que tinha o objetivo do projeto era correlacionar a teoria com a prática da disciplina de "Anatomia aplicada a Fisioterapia". Nela,os alunos aprendem principalmente onde cada um dos músculos do corpo se originam e qual a sua ação destes músculos. 

Os estudantes tiveram como regra a criação de uma matéria que abordasse a origem e inserção de um grupo muscular denominado "Manguito Rotador" com a incidência de lesões destes, associando a alguma atividade esportiva. A matéria foi lida e avaliada por professores das áreas de pedagogia e fisioterapia, todos votaram e elegeram a mais esclarecedora matéria. A equipe vencedora foi compostas pelas acadêmicas: Ângela Oliveira, Débora Almeida, Deilane Santana, Lenir Leal, Milene Arcanjo e Morgana Gurgel.  

O concurso de matérias ocorreu nessa última semana na Faculdade Maurício de Nassau, unidade Lauro de Freitas, com alunos do 3º semestre de Fisioterapia. O objetivo do projeto era correlacionar a teoria com a prática - disciplina de "Anatomia aplicada a Fisioterapia", nela os alunos aprendem principalmente onde cada um dos músculos do corpo se originam e qual a sua ação destes músculos. Eles tinham como regra criar uma matéria que abordasse a origem e inserção de um grupo muscular denominado "Manguito Rotador" com a incidência de lesões destes, associando a alguma atividade esportiva. A matéria foi lida e avaliada por professores das áreas de pedagogia e fisioterapia, todos votaram e elegeram a mais esclarecedora matéria. A equipe vencedora foi compostas pelas acadêmicas: Ângela Oliveira, Débora Almeida, Deilane Santana, Lenir Leal, Milene Arcanjo e Morgana Gurgel.  

Acompanhem a matéria em anexo - "Lesões no Manguito Rotador em atletas de natação de alto rendimento".

 

04 Abril
DECISÃO
COFFITO publica matéria sobre emissão de parecer, atestado ou laudo pericial
Por Rafael Reis

Foi publicada na página do Conselho Federal de Fisioterapia e Terapia Ocupacional (COFFITO) a matéria "Nova decisão do TRF1: Fisioterapeutas e Terapeutas Ocupacionais podem, sim, emitir parecer, atestado ou laudo pericial". Acompanhem a notícia completa: http://coffito.gov.br/nsite/?p=6590

30 Março
Ação
Conscientização: o descarte correto da escova de dentes
Por Vania Alice

Segundo uma matéria escrita pelo jornalista Sérgio Ripardo, publicada pela Folha Online em junho de 2001, o Brasil vende cerca de 120 milhões de escovas dentais por ano (Medeiros, 2005). De acordo com o artigo, o recomendável pelas autoridades de saúde bucal é a troca da escova dental a cada três meses. Considerando que cada escova dental pesa em torno de 16g (conforme amostras analisadas), em 12 meses são gerados 1920 toneladas de lixo polimérico com escovas dentais no Brasil.

O uso da escova dental é mais que um hábito diário das pessoas, uma vez que faz parte da higienização e saúde do ser humano, sendo assim cada pessoa usa pelo menos uma (1) escova a cada três (3) meses, como preconiza os dentistas. Entretanto tais escovas são feitas de materiais de plásticos que levam anos para se degradar no meio ambiente, além de liberar gases que aumentam o efeito estufa.

Os objetivos desse trabalho/palestra, realizados pelos alunos do curso de Fisioterapia em conjunto com a Professora Jacqueline Maranhão, foram:

- conscientizar as pessoas que a escova de dente é feita por um plástico altamente nocivo ao meio ambiente, fazendo-se necessário seu descarte de maneira correta, para assim promover a sustentabilidade no nosso planeta;

- promover a troca regular da escova de dente;

- valorizar a escova de dente como um material reciclável;

- observar a necessidade de recolher as escovas de dente do lar seletivamente e encaminhar a reciclagem;

- sensibilizar as pessoas a obterem hábitos higiênicos corretos sobre o uso e descarte da escova de dente.

 

29 Março
Evento
Congresso Cearense de Fisioterapia será realizado em abril
Por Lila Araujo

 

Atenção, alunos.
Ótima oportunidade para expandir seus conhecimentos.
Participem!
 
 
 

28 Março
2017.1
Horário das avaliações
Por Camila Machado

Já podem ser conferidos os horários das provas dos estudantes dos 3º ao 9º períodos. Para fazer o download dos arquidos com os horários, basta clicar nos documentos (segmentados por cada semestre) presentes no campo "Anexo" abaixo.

27 Março
Aprovados
Resultado de Monitoria
Por Vanessa Guzzi

Já podem ser conferidos os resultados das inscrições deferidas para Monitoria dos cursos de Administração, Arquitetura e Urbanismo, Direito, Educação Física, Enfermagem, Engenharia Civil, Estética e Cosmético, Farmácia, Fisioterapia, Nutrição, Pedagogia, Psicologia, Serviço Social e Sistemas da Informação. 

A relação completa dos alunos com resultado deferido pode ser conferida no documento presente no campo "Anexo" abaixo:

23 Março
Fisioterapia
Resultado de seleção de monitoria 2017.1
Por Priscila Oliveira

Prezados Alunos,

segue o resultado de seleção de monitoria 2017.1

Parabéns a todos os aprovados.

Anexo: 
23 Março
Dia Internacional da Mulher
Palestra: DSTs na gravidez - Clínica Luiza Coelho
Por Vania Alice

O evento promovido pelo curso de Fisioterapia da Faculdade Maurício de Nassau sob a supervisão da professora Jacqueline Maranhão, em visita à clínica Luiza Coelho, acompanhada de alunos do curso de Fisioterapia baseou-se em prestar esclarecimentos acerca das doenças sexualmente transmissíveis, DSTs, durante o período gestacional. Elas podem surgir antes ou durante a gravidez e prejudicar a saúde da mãe e do bebê, trazendo complicações como parto prematuro, aborto, baixo peso ao nascer e atraso no desenvolvimento. Os sintomas variam de acordo com o tipo de infecção apresentada, mas normalmente surgem feridas na região genital e coceira. O tratamento deve ser feito de acordo com a causa da doença, mas normalmente são utilizados medicamentos antibióticos e antivirais, sob indicação do obstetra.

Mudanças físicas e psicológicas marcam a mulher durante o período de gestação. Apesar de ser considerado um momento mágico para muitos, não tem como negar que, muitas vezes, essas mudanças vêm acompanhadas de deconfortos e limitações, que impedem a mulher de levar uma vida totalmente igual à anterior. E após o parto, os cuidados com o bebê também exigem mais do corpo da mãe, que acrescentará novas atividades ao seu cotidiano, como trocar fraldas e dar banho. Durante esse período, o útero passa por um processo de expansão, gerando uma curvatura nos ossos e, principalmente, na lombar e no quadril. A coluna sofre o impacto causado pela expansão da barriga, causando uma desarmonia das cadeias musculares. Essas cadeias passam por duas alterações: a posterior fica sob estresse de tensão muscular constante e a anterior, sofre processo de estiramento. Essas mudanças podem ocasionar frouxidão dos ligamentos vertebrais, rotação das vértebras e pinçamento de nervos. Por isso, apesar de pouco divulgada, a fisioterapia na gravidez exerce um papel importante em cada fase da gestação, sempre visando a promoção da saúde e do bem-estar da mulher. A fisioterapia pré-natal, por exemplo, prepara o corpo da mulher para dois momentos: o pré e o pós-parto, prevenindo, tratando e reabilitando possíveis disfunções, desconfortos, dores ou lesões. Assim, a fisioterapia oferece: exercícios de alongamento e fortalecimento de determinados músculos; exercícios aeróbicos; conscientização corporal; melhora na circulação sanguínea, correção da postura e exercícios de relaxamento. Como resultado, as futuras mamães sentem alívio durante momentos como cãimbras, inchaço, falta de ar e dores na coluna vertebral e na pélvis, além de ficar mais preparada para o parto.

Os cuidados com o assoalho pélvico também são importantes, pois ele é formado por um conjunto de tecidos de revestimento que fecha a cavidade inferior da pelve (músculos, ligamentos e fáscias). Essas estruturas são as responsáveis pela sustentação de órgãos como útero, reto e bexiga e controlam a urina, as fezes e a atividade sexual. Então, caso a mãe apresente disfunções urinárias, por exemplo, os exercícios da fisioterapia são bastante indicados. Na fase chamada de PUERPÉRIO, que é o período que decorre desde o parto até que os órgãos genitais e o estado geral da mulher voltem às condições anteriores à gestação, a fisioterapia também é imprescindível.

É função do fisioterapeuta avaliar os músculos do assoalho pélvico, focando na sua coordenação, tônus, resistência e força. Caso haja algum problema, é ele quem promove a sua reabilitação.

 

 

Páginas