Faculdade Maurício de Nassau UNINASSAU | Ser Educacional
21 Janeiro
Edital
Observatório da laicidade no Estado de Pernambuco
Autor: Maria Calado
A lei 11.635/07 estabeleceu o dia 21 de janeiro como o Dia Nacional de Combate à Intolerância Religiosa. Mas, afinal, você sabe o motivo por ter sido escolhida esta data? Infelizmente, a definição da data se deu a partir de um triste ato de intolerância religiosa.  A data foi escolhida em homenagem a Yalorixá Gildária dos Santos, a Mãe Gilda, do Axé Abassá de Ogum. 
A mãe Gilda e o seu terreiro foram vítimas de agressões físicas e verbais, marcadas por um verdadeiro racismo religioso. Em decorrência disso, no dia 21 de janeiro, Mãe Gilda faleceu.
Foi preciso o Estado, a partir de um ato de intolerância, reconhecer a necessidade de se estabelecer um dia de combate à desinformação, à intolerância, ao racismo religioso e, ainda, o respeito à diversidade e pluralidade. 
 
Ontem na OAB-PE, os coordenadores do Curso de Direito da UNINASSAU Graças | Derby, o Presidente da OAB/PE e integrantes da Comissão de Direito e Liberdade Religiosa, firmaram o compromisso de um projeto pioneiro, o Observatório da Laicidade.
 
Com muita satisfação, hoje, dia 21, realizamos o lançamento do projeto, uma parceria da Uninassau Graças | Derby e a OAB-PE.

Comentários