Faculdade Maurício de Nassau UNINASSAU | Ser Educacional
07 Abril
Aulas online
Orientações para aulas em salas virtuais
Por Felipe Tome

As atividades acadêmica seguem o protocolo do Ministério da Saúde

19 Março
Fortaleza
O poder do Isolamento social - Coronavírus
Por Adelaide Souza

Prezados Alunos, Neste momento precisamos nos manter em isolamento social, toda forma de contato deve ser evitada a fim de reduzir os riscos. #serdigital #juntossomosmaisforte #uninassaufortaleza Att Coordenação de enfermagem

19 Março
Recife
Dicas de prevenção contra o Coronavírus (COVID-19)
Por Pedro Paulo

Prezados,

 

é muito importânte permanecer atento as orientações do Ministério da Saúde na prevenção contra o coronavírus (COVID-19).

 

Seja responsável ! 

18 Março
João Pessoa
Orientações à população sobre o coronavírus
Por Eulampio Neto

É fato que estamos diante de uma situação crítica no que diz respeito aos riscos de contrair uma possível infecção pelo coronavírus.

Todavia, vale ressaltar que, antes de permitir que o medo se instale em nós, é possível diminuir as chances de infecção a partir das medidas abaixo:

- Lavar bem as mãos sempre depois de utilizar o banheiro;

- Não levar as mãos à boca e nariz sem necessidade;

- Evitar tocar com as mãos pessoas e objetos de forma desnecessária;

- Não estar em locais com aglomeração de pessoas (elevadores, casas de show, restaurates e lanchonetes climatizadas, salões fechados, templos e outros);

- Não se automedicar;

- Evitar contato com os animais de estimação em caso de suspeita e/ou confirmação;

- Não sair de casa, evitando disseminar a doença, em caso de confirmação da mesma.

 

Vamos firmes contra a disseminação e fortalecimento desta doença.

Por. Andreey Teles - médico veterinário, professor e coordenador do curso de medicina veterinária da Uninassau João Pessoa.

17 Março
Garanhuns
COMUNICADO OFICIAL - CORONA VÍRUS - AÇÕES PREVENTIVAS
Por Andre Soares

 

A Uninassau Garanhuns, seguindo as orientações do comunicado acima, suspendeu suas aulas até o dia 31/03. É uma medida necessária de prevenção. No mais, mestamos trabalhando no sentido de reorganizar o calendário acadêmico para que não hja prejuízo para nossos alunos.

Gratos pela compreensão de todos.

Boa tarde.

#TodosContraoCovid19

 

16 Março
INFORMATIVOS
INFORMATIVO COVID 19
Por Adelaide Souza

Em tempos de crise precisamos unir as forças do SER HUMANO que somos, compreender que a essência da vida é o primordial e lembrar que o AMOR que sentimos uns pelos outros deve ser o que nos mantém VIVOS... então por esse AMOR devemos lembrar SEMPRE:

A  suspensão de aulas será necessária devido a aglomeração de pessoas...

Lavar as mãos sempre, esquecer jamais...

Se não puder lavar, álcool em gel nelas... isso fará uma grande diferença!

Carinhos à distância, sem toque de mãos, abraços e beijos nesse período... todos irão entender.

Cubrir nariz e boca ao espirrar ou tossir.

Evite aglomerações de pessoas.

Mantenha a ventilação natural.

Vamos lembrar de proteção aos que amamos e a nós mesmos, então não compartilhe objetos pessoais.

Vivamos com seriedade e compartilhemos humanidade, lembrando que o CUIDAR faz parte da essência humana.

VAMOS VENCER ESSE COVID 19, transformado-o em COM VIDA 2020!

A Coordenação de Enfermagem UNINASSAU FORTALEZA sensibiliza-se com esse momento que passamos, e compreende que as crises são superadas com a união  entre os seres humanos, abençoados e protegidos por DEUS. 

ENTÃO, QUE DEUS CUIDE DE TUDO E DE TODOS!

16 Março
Olinda
Suspensão das Aulas
Por Lenivaldo Ferreira

Prezados Alunos,

Segue informativo de suspensão das aulas a partir de hoje até o dia 31/03.

Favor aguardar novas orientações da IES.

Att.

28 Fevereiro
Fique atento!
CORONAVÍRUS: Cuidados básicos para prevenir!
Por Fabricia Castelo

Se liga acadêmico de enfermagem da Uninassau Redenção!

Provavelmente, o novo Coronavírus é transmitido através de tosse e espirro, assim como outros vírus respiratórios.  Os cientistas ainda estão tentando entender quão facilmente ele é passado para outras pessoas. Uma análise de uma família infectada publicada na revista médica Lancet sugere que o vírus passou de uma pessoa doente para outras seis; só duas delas tiveram contato com o doente inicial. Segundo a OMS, a fonte primária do surto tem origem animal, e as autoridades de Wuhan disseram que o epicentro da epidemia era um mercado de peixes e animais vivos.

Levando em consideração estas informações, podemos tomar alguns cuidados para nos protegermos não somente do Coronavírus mas também de outras afecções respiratórias que cursam com transmissão semelhante.

Segundo a OMS, as medidas protetoras gerais são:

- Lavar frequentemente as mãos usando álcool em gel ou água e sabão, especialmente após contato com pessoas doentes e antes de se alimentar;

- Quando tossir ou espirrar, cobrir a boca e o nariz com a parte interna do braço ou lenços descartáveis;

- Evitar o contato próximo com quem tiver febre e tosse;

- Em caso de febre, tosse e dificuldade para respirar, buscar ajuda imediata e compartilhar o histórico de viagens com os profissionais de saúde;

- Manter os ambientes ventilados;

- Evitar tocar nos olhos, nariz e boca.

 

27 Fevereiro
Saiba mais!
Cuidados importantes contra a "Coronavirose"
Por Eulampio Neto

O coronavírus, descoberto recentemente, é uma variante da família Coronaviridae já existente e conhecida há décadas. Trata-se do COVID-19, que surgiu na Ásia, em dezembro de 2019, e que tem como suspeitos por viabilizar esta nova estirpe viral o pangolim (tamanduá escamoso) e mamíferos da ordem Chiroptera.

Embora ainda não existam dados concretos e totalmente esclarecidos no que diz respeito à disseminação, patogenicidade, bem como sobre os graus de comprometimento dos organismos afetados, sabe-se que o COVID-19 atinge humanos e, a depender do estado imunológico e faixa etária do hospedeiro, o agente pode apresentar quadro clínico complicado.

As medidas mais práticas e simples para diminuir o risco de infecção pelo COVID-19 consistem na lavagem das mãos sempre após o uso do banheiro e antes de se alimentar, bem como após tosse e espirros (os quais devem ser protegidos por lenço e este descartado no lixo). Medidas como descontaminação do aparelho celular e de outros utensílios de uso constante com desinfetantes como o álcool 70°GL e hipoclorito de sódio a 0,1% são efetivas.

O agente pode persistir em superfícies inertes desde um tempo de 2h a até 9 dias. É sensível a temperaturas entre 30°C e 40°C, podendo sobreviver por até 28 dias em locais/objetos submetidos a temperatura de 4°C, por exemplo.

O uso de máscaras só deve se dar em indivíduos que estejam com suspeita da infecção ou com quadro clínico sugestivo (tosse, espirros, febre e cansaço) e que ainda não estejam sendo submetidos a atendimento, ou por equipes de saúde em serviços de referência para doenças infecto-contagiosas. O ideal é o uso de máscaras referência N-95 ou respiradores.

Quando doente, o indivíduo deve evitar contato com animais de estimação, deixando-os sob cuidados de terceiros, para evitar a exposição do mesmo ao agente viral. E, deve ainda, imediatamente, procurar o serviço de saúde de referência, em vez de fazer automedicação.

Por: Dr. Andreey Teles – médico veterinário, professor e coordenador do curso de medicina veterinária da Uninassau João Pessoa.

 

Páginas