Faculdade Maurício de Nassau UNINASSAU | Ser Educacional
18 Setembro
EVENTO
Alunos participam de evento Praia Limpa
Por Dimas Melo

No dia 15 de setembro de 2018, a Faculdade Uninassau Manaus realizou o projeto de responsabilidade social Praia limpa.

O evento contou com a presença de discentes e docentes de todos os cursos da instituição, nos quais, coletaram meia tonelada de lixo da praia da Ponta Negra, situada na zona oeste da cidade de Manaus.

O evento educativo tem como objetivo educar a sociedade, conscientizar a respeito da coleta de lixo e a coleta seletiva.

A estimativa de presentes no local foi de um mil alunos.

18 Setembro
PROJETO
Projeto Faculdade na Comunidade acontece no centro de Petrolina
Por Sérgio Junior

No próximo dia 20 de setembro, a partir das 8h, a UNINASSAU Petrolina vai promover o projeto “Faculdade na Comunidade”. A ação vai acontecer na Praça do Bambuzinho, área central da cidade, com o objetivo de ofertar gratuitamente diferentes serviços.  

Durante a manhã serão ofertados serviços como: orientação nutricional, orientação jurídica, aferição da pressão arterial, medição da taxa de glicemia, consultoria empresarial, agendamento de palestras para empresas, dicas na área de engenharia, sensibilização do Setembro Amarelo entre outros.  

 

Confira a matéria completa.

11 Setembro
Petrolina
UNINASSAU realiza Ação Tropical em Petrolina
Por Sérgio Junior

Com intuito de conscientizar as pessoas sobre os cuidados com o meio ambiente, a unidade Petrolina realiza em parceria com o Instituto Limpa Brasil, o projeto Ação Tropical. O evento será realizado no Dia Mundial da Limpeza, 15 de setembro, às 8h, na Orla I da cidade. O Instituto Limpa Brasil é o representante nacional do Let's do it!, uma iniciativa que mobiliza centenas de países em defesa do descarte adequado do lixo.  Mais de 150 nações estarão mobilizadas, no dia 15 de setembro, para a limpeza de rios, praias, praças, bairros, parques.

A parceria com o Instituto Limpa Brasil é uma oportunidade de unir esforços, aliando o que as Unidades já fazem com o maior movimento mundial de cidadania e cuidado com o meio ambiente.

Em Petrolina, a ação terá início com a saída dos alunos, professores e colaboradores da Instituição em direção à Orla Fluvial I da cidade. A limpeza do local será realizada em conjunto com a Prefeitura de Petrolina, também parceira na ação global do Instituto Limpa Brasil.Participem!

10 Setembro
MERCÊS
Dia do Administrador é comemorado com II Feira de Administração sem fronteiras
Por Ana Benevides

 
No mês que celebra a profissão do administrador, a unidade Salvador promove a II Feira de Administração sem Fronteiras. O evento contará com exposições de trabalhos realizados pelos alunos do curso de Administração da unidade Mercês, que traz em seu conteúdo países que são modelos de gestão. A atividade ocorre no Shopping Piedade, no centro da capital baiana.
 
O programa Administração Sem Fronteiras incentiva os alunos do curso de administração da Uninassau, a pesquisarem sobre a Teoria Geral da Administração de diferentes países. Porém, com características similares às brasileiras para aprender, melhor compreendê-las e buscar novas formas e ferramentas de adaptá-las ao nosso modelo organizacional.
 
Os alunos estudaram os modelos de logísticas do Chile, China, Colômbia, França, Japão, México, Peru e Rússia. “A feira propõe-se à divulgação do conteúdo dos estudos realizados. Nesses stands os alunos apresentam aos visitantes elementos da cultura e, principalmente, da administração praticada nesses países”, disse o professor coordenador do evento, Sandro Pinto.
 
Na ocasião, acontecerá também o lançamento do livro Administração Sem Fronteiras: Volume 3, de autoria do professor Sandro e do pesquisador Luciano Conceição.

04 Setembro
Ação Social
Estudantes realizam doação de ração para cães e gatos de rua
Por Candida Silva

O Projeto Viva UNINASSAU, em Petrolina, reuniu o corpo discentes para realizar a ação social em diversos pontos da cidade

17 Agosto
PROJETO
Alunos podem participar de Projeto OAB - Universidades
Por Jonathas Pereira

 Prezados alunos, em 2018.2, mantivemos a parceria com a Editora GEN e, mais uma vez, estaremos ofertando o curso preparatório, na modalidade online, para os alunos matriculados nas disciplinas de Prática do 7º , 8º e 10º período do curso de Direito da UNINASSAU JOÃO PESSOA.

O curso engloba todo o conteúdo exigido na 1ª fase do Exame da Ordem, contemplando, ainda exercícios e um Simulado. No edital, em anexo, é possível verificar todas as regras para que haja a integralização das notas de 1ª e 2ª avaliações das disciplinas de Prática Forense (Cível, Penal, Família e Sucessões, e Trabalhista).

Atenciosamente.

Anexo: 
17 Agosto
ALUNO
Falsificar assinatura é crime de falsificação de documento
Por Jose Teles

Falsificar assinatura é crime de falsificação de documento (público ou particular -
depende do caso).
 
A regra de ouro nesses casos é que a falsidade material é referente aos aspectos
formais e externos do documento e a falsidade ideológica se prende ao conteúdo.
O STF diz: "Na falsidade material o que se falsifica é a materialidade gráfica, visível, do
documento; na ideológica, é seu teor ideativo ou intelectual." (STJ, RTJ 122/557).
 
A Infração dos Arts. 297 e 298 do Código Penal implica em:
Pena - reclusão, de 1 (um) a 5 (cinco) anos, e multa, se o documento é público, e
reclusão de 1 (um) a 3 (três) anos, e multa, se o documento é particular.
Observação¹: A diferença entre reclusão e detenção é que, a primeira reserva-se para os
crimes mais graves, enquanto a segunda é voltada crimes mais leves. Como consequência, a
pena de reclusão deve ser cumprida em regime fechado, semi-aberto ou aberto. Já a de
detenção, em regime semi-aberto, ou aberto, salvo necessidade de transferência a regime
fechado.
 
Nos dois tipos de falsificação de documento caberia fiança judicial, mas cabe lembrar
que a fiança está em desuso diante do Arts. 324, IV c/c Art. 310, parágrafo único do Código
de Processo Penal.
 
O Art. 324 reza que: Não será, igualmente, concedida fiança:
IV - quando presentes os motivos que autorizam a decretação da prisão preventiva
(art. 312). (Incluído pela Lei nº 6.416, de 24.5.1977)
 
O Art. 310, em seu PARÁGRAFO ÚNICO (CONCESSÃO. PRINCÍPIO DA NECESSIDADE).
Reza que:
 
1. Não havendo nada de concreto que leve a admitir-se que a indiciada solta volte a
delinqüir, não implicando sua liberdade risco à ordem pública, nem estando demonstrado que
está conturbando a instrução criminal, é de conceder-se, com fundamento no Art. 310,
parágrafo único, c/c o Art. 312, do CPP (Código do Processo Penal), a liberdade provisória.
 
2. A prisão preventiva, ou a manutenção do cidadão preso, só deve ser determinada
quando for estritamente necessário. Aplicação do chamado princípio da necessidade.
Observação ²: É importante lembrar o conteúdo da Súmula 17 do STJ que diz: "Quando o
falso se exaure no estelionato, sem mais potencialidade lesiva, é por este absorvido."
 
Glossário
Súmula é um verbete que registra a interpretação pacífica ou majoritária adotada por um
Tribunal acerca de um tema específico, com dupla finalidade: tornar pública a jurisprudência
para a sociedade e promover a uniformidade entre as decisões.
Jurisprudência: em latim, jus (Direito) e prudentia (sabedoria).
Habeas corpus: do latim "Que tenhas o teu corpo" (a expressão completa é habeas corpus ad
subjiciendum) é uma garantia constitucional em favor de quem sofre violência ou ameaça de
constrangimento ilegal na sua liberdade de locomoção, por parte de autoridade legítima.
 
Por: Andreey Teles – Médico Veterinário, Coordenador do Curso de Medicina Veterinária da Uninassau João Pessoa.
 

14 Agosto
MATÉRIA
UNINASSAU completa 15 anos de história
Por Candida Silva

entro Universitário celebra trajetória marcada por conquistas e reconhecimento
 
A UNINASSAU completa 15 anos de fundação com representação em mais de 50 cidades, nas formas de ensino presencial e EAD. Com trajetória marcada por conquistas, premiações e trabalho em prol das comunidades, a Instituição firmou-se como uma das principais marcas em ensino superior das regiões Norte e Nordeste do Brasil.
 
Inicialmente pensada para ser uma faculdade de Direito, a Faculdade Maurício de Nassau foi fundada em 2003, no Recife, com 500 alunos e ofertando seis cursos – Administração, Jornalismo, Publicidade e Propaganda, Gestão de Sistemas de Informação, Turismo e Direito – e com a missão de “ser uma instituição educacional formadora de cidadãos competentes, qualificados e preparados para o mercado de trabalho, imbuídos de responsabilidade social e compromissados com a preservação da cultura nacional e com o desenvolvimento sociocultural do Brasil”.
 

11 Agosto
MATÉRIA
Professora participa de debate sobre os 12 anos da Lei Maria da Penha
Por Sérgio Junior

A advogada e professora da Faculdade UNINASSAU Petrolina, Ariana Andrade, participou, nesta terça-feira (07), do debate público sobre os 12 anos da Lei Maria da Penha. O evento aconteceu no Sebrae e reuniu diversos órgãos com o principal objetivo de despertar na sociedade o sentimento decorresponsabilidade.

 Durante o encontro a professora da Instituição pontuou a aplicabilidade da Lei e os tipos de violência contra mulher no país e região. “Foi um momento muito importante para se discutir sobre estratégias para o combate ao machismo, ao patriarcado, frisando o quanto a sociedade deve se sentir corresponsável nessa luta”, destacou.

 

Confira a matéria completa no link.

10 Agosto
BIOMEDICINA
Curso de Biomedicina da UNINASSAU é o único do Vale do São Francisco
Por Victoria Alencar

Afinidade com biologia, gostar de pesquisas, ser curioso são algumas das características de um futuro biomédico. Hoje, a unidade Petrolina dispõe do curso de Biomedicina, o único na região do Vale do São Francisco. Após quatro anos de formação, o profissional pode atuar em mais de 30 áreas.

De acordo com o Ministério da Educação (MEC), Biomedicina está entre os 10 cursos mais procurados no país. A biomédica e coordenadora do curso da UNINASSAU, Victória Carvalho, destaca que na região o mercado é amplo. “O profissional pode trabalhar com análises clínicas, banco de sangue, banco de leite, reprodução humana assistida, genética, diagnóstico por imagem, perícia, pesquisa científica entre outras áreas”, disse.

O profissional é responsável por identificar, classificar e estudar os microrganismos, além de pesquisar medicamentos e vacinas para prevenção de doenças. Um novo campo de atuação é o da estética, onde o profissional desenvolve, aplica e realiza tratamentos para disfunções dermato-fisiológicas corporais, faciais e envelhecimento fisiológico relacionado à pele e metabolismo.

A coordenadora destaca que “a grande curricular da Instituição traz quatro disciplinas que não têm em outras, como biotecnologia, empreendedorismo, gestão de serviços de saúde e controle de qualidade e Instrumentação Biomédica.

Márcia Gabriella D. de Moura - Acessoria de Imprenssa UNINASSAU Petrolina

Páginas